Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Sereia Louca

Sereia Louca

24
Out19

Para perseguir vale tudo, mas para responder perante os cidadãos nada

Miss X

A inépcia tecnológica da administração pública, quando lhe convém, e o seu alheamento perante os cidadãos, a quem deveria servir, representa o esmagamento do cidadão pelo Estado. É o Estado totalitário, a antítese do que se espera numa democracia, sobretudo na era do governo digital.

O cidadão é abusado, lesado e vilipendiado. Tem de apresentar reclamação documental, judicial e presencial quando o erro e os elementos de prova estão ali no próprio sistema à vista de todos os interessados. A situação é ridícula e revoltante, como também é ridícula e revoltante a forma como as pessoas são empurradas de telefone em telefone, de email em email, de funcionário para funcionário, sem que alguém dê respostas completas e definitivas.

A administração pública está na idade das trevas, veste de negro, e é inimputável. Para perseguir vale tudo, mas para responder perante os cidadãos nada. Nestes serviços públicos, o público é de facto uma maçada e dele não resta senão desconfiar. O estado geral é um de desorganização e o sistema está feito para lidar com canalhas. E isto, infelizmente, também diz muito acerca de quem o concebe.

Ricardo Arroja

in A Segurança Social tem licença para extorquir 

@ eco.sapo.pt

23
Out19

É inquietante viver ao pé do mar

Miss X

Do rochedo onde todos os dias me sento a contemplar as águas, que o mar não tem apenas uma, sente-se as tonturas daquele marulhar que sobe das ondas.

É inquietante viver ao pé do mar.

Nunca sabendo que humores se irão espraiar aos nossos pés, que imprevisibilidade escolherá ele para nos arrebatar nestes dias dengosos de Outono que mais parecem manhãs que não entardecem.

Uma concha, uma pedra rolada, migalhas branquinhas de quem se quebrou na areia, galhos de árvores, raízes naufragadas.

E basta o som de um búzio para que o nosso estar queira ser, só porque sim, e porque não?

Aviso à navegação

A autora deste blog não adopta o novo Acordo Ortográfico

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Criaturas marinhas

  1. 2021
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2020
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2019
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2018
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2017
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D