Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Sereia Louca

Sereia Louca

30
Jun19

Para que serve o humor?

Miss X

A conversa começou pelas perguntas sonsas: quais são os limites do humor? Ou: para que serve o humor?

Os autores das perguntas não estranhavam que não se quisesse investigar os limites da poesia, do teatro ou de qualquer outro discurso não literal. Nem lhes ocorreu que a pergunta “para que serve o humor?” fazia tanto sentido como as também prementes questões “para que serve a nona sinfonia?”, ou “para que serve a Mona Lisa”?

Quem ia respondendo que definir um limite era o princípio de um processo irreversível e que o humor não pertencia ao número de coisas que tivessem serventia – como, por exemplo, uma esfregona – era considerado um perigoso radical da liberdade de expressão.

Entretanto, instituiu-se que, como aliás se pensava no tempo de Jorge de Burgos, todo o humor é uma agressão. E agredir, evidentemente, é feio. 

Ricardo Araújo Pereira in Visão

Aviso à navegação

A autora deste blog não adopta o novo Acordo Ortográfico

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Criaturas marinhas

  1. 2022
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2021
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2020
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2019
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2018
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2017
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D